Ao Vivo – Bolsa em Tempo Real

Ao Vivo – Bolsa em Tempo Real


8h05 – IGP-DI cai 0,58% em novembro, ante alta de 1,60% em outubro


8h02 – Exportações da China crescem 22% em novembro na comparação anual


7h55 – Agenda do dia: Variação da produtividade não-agrícola americana, primeiro dia de reunião do Copom e mais

Na agenda do dia, no âmbito dos dados macroeconômicos, destaquei para a publicação, nos EUA, da produtividade do setor não-agrícola e da balança comercial.

O Brasil não tem dados econômicos tão relevantes mas, na política, olho nas discussões sobre a PEC dos precatórios, no inicio da reunião do Copom e na participação conjunta de Bolsonaro e Paulo Guedes em evento às 11h e às 15h30.


7h52 – Radar Cripto: Bitcoin ensaia recuperação em V, altcoins disparam até 90% e mais assuntos que vão movimentar o mercado


7h47 – Europa avança, com otimismo com Ômicron – mas de olho em tensões geopolíticas

Os índices europeus também surfam nas notícias sobre a mais nova variante do coronavírus e registram fortes altas. Na região, porém, investidores acompanham as hostilidades entre Rússia e Ucrânia, com os EUA tentando impedir o combate.

  • Euro Stoxx 600: +1,85 %
  • DAX (Frankfurt): +2,03%
  • FTSE 100 (Londres): +1,13%
  • CAC 40 (Paris): +2,24%
  • FTSE MIB (Milão): +1,62%

7h42 – Bolsas asiáticas têm forte alta, com Ômicron e recuperação de ações de tecnologia

As bolsas asiáticas avançam também com as notícias sobre a variante Ômicron – nessa segunda, elas não surfaram na onda das demais, uma vez que já haviam fechado quando os “ventos positivos” chegaram.

Além disso, os índices do continente se beneficiaram também da recuperação da companhia de tecnologia Alibaba, que anunciou mudança em sua diretoria e saltou mais de 12% em Hong Kong, das exportações da China maiores do que as esperadas e da diminuição da necessidade de compulsórios pelo governo chinês

  • Nikkei (Japão), +1,89% (fechado)
  • Shanghai SE (China), +0,16% (fechado)
  • Hang Seng Index (Hong Kong), +2,72% (fechado)
  • Kospi (Coreia do Sul), +0,62% (fechado)

7h40 – Futuros americanos avançam, sinalizando mais um possível dia de alta

Os principais índices futuros do país têm mais um dia de alta, após, nesta segunda, já terem apresentado um bom resultado, impulsionados pela perspectiva de que a  Ômicron tem sintomas mais brandos do que as demais variantes da Covid-19 – Karl Lauterbach, de irá assumir o posto de ministro de Saúde da Alemanha, chegou a afirmar que a mutação pode ser um “presente de Natal antecipado”.

  • Dow Jones Futuro (EUA), +0,97%
  • S&P 500 Futuro (EUA), +1,25%
  • Nasdaq Futuro (EUA), +1,72%

Analista da Rico Corretora ensina ferramentas práticas a extrair lucro do mercado financeiro de forma consistente. Inscreva-se Grátis.

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Receba o TradeNews no seu e-mail

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?