Apareceu no WSJ: Ações chinesas de Internet batem máxima de três meses

Ações da Bilibili, empresa de games e tecnologia, lideraram os ganhos em Hong Kong na quarta-feira. (Foto: Roy Liu/Bloomberg News)

[ad_1]

As ações chinesas de Internet saltaram para a máxima em três meses, após reguladores da China liberarem dezenas de videogames para lançamento, um movimento recebido por investidores como novo sinal de que Pequim está suavizando a postura quanto ao setor de tecnologia.

Na terça-feira à noite, a Administração Nacional de Imprensa e Publicação do país disse que aprovou 60 títulos de videogame. O regulador havia dado sinal verde para um lote menor de jogos em abril, e, antes disso, não havia concedido nenhuma aprovação desde julho passado.

As ações da Bilibili, companhia de vídeo e jogos, lideraram os ganhos em Hong Kong nesta quarta-feira, com 20% de alta. O índice da cidade, Hang Seng, subiu 4,8%, nível mais alto de fechamento desde o início de março.

“A pressão regulatória diminuiu”, disse Bruce Pang, chefe do research de macro e estratégia da China Renaissance Securities. Ele afirma que as novas aprovações de videogames são outro sinal positivo para o setor de Internet, cujo efeito transbordou sobre outras companhias, incluindo a gigante de e-commerce Alibaba.

As ações listadas em Hong Kong do Alibaba saltaram 10% nesta quarta-feira, enquanto as da gigante de jogos e mídia social Tencent subiram 6,5%. Nem a Tencent nem a concorrente menor NetEase tiveram jogos aprovados no lote mais recente. A Bilibili tampouco teve algum jogo aprovado nessa leva.

As empresas chinesas de tecnologia enfrentaram repressão abrangente desde o final de 2020, quando Pequim interrompeu a oferta pública inicial da afiliada de tecnologia financeira do Alibaba, Ant. Em outra iniciativa crucial, autoridades introduziram, em agosto passado, regras que limitam menores a três horas de jogos online por semana.

Entretanto, à medida que a economia chinesa desacelerou bruscamente este ano, o tom mudou, e os principais órgãos políticos chineses, incluindo o Politburo do Partido Comunista, expressaram apoio ao setor.

Em outro sinal de política de flexibilização, o Wall Street Journal reportou na segunda-feira que a China estava concluindo uma investigação de um ano sobre a gigante de caronas Didi Global, uma das companhias mais atingidas pela repressão às techs.

Analistas do Citigroup disseram que as aprovações de terça-feira aumentaram a confiança de que o ritmo de aprovação de games esteja voltando ao normal, à medida que as principais cidades chinesas reabrem após rígidos lockdowns, e com medidas duras agora em vigor para proteger os jogadores mais jovens. Eles disseram que os títulos da Tencent e da NetEase provavelmente serão incluídos em lotes subsequentes de aprovações de jogos.

A recente série de desenvolvimentos econômicos e regulatórios positivos ajudou a levantar o humor do mercado, disse Pruska Iamthongthong, diretora sênior de investimentos da Abrdn. “Há um entendimento de que o pior já passou em termos de regulação, e estamos vendo uma luz no fim do túnel”, afirma Iamthongthong, co-gerente do Asia Dragon Trust, que possui algumas grandes ações chinesas de internet.

Separadamente, nesta quarta-feira, a Tencent disse que lançaria seu título “Honor of Kings” internacionalmente no final deste ano. O principal jogo de celular da Tencent, que permite batalhas online entre times de jogadores, tem mais de 95% dos usuários na China e permanece o maior gerador de lucro para o segmento de jogos domésticos da Tencent.

O lançamento global aparece à medida que a Tencent encara concorrência crescente em casa e está se expandindo ativamente no exterior. Sua receita dos jogos domésticos diminuiu 1% ante o ano anterior no trimestre encerrado em março, enquanto a de jogos internacionais cresceu 4%.

Apesar do rali, as ações chinesas de internet permanecem distantes das máximas históricas. O índice Hang Seng ainda registra queda de 15% no acumulado do ano, por exemplo, e caiu 56% em relação ao recorde alcançado em fevereiro de 2021.

“As ações de Internet da China foram um dos ativos menos queridos no ano passado e estão negociadas com um desconto significativo em relação aos valuations históricos”, disse David Chao, estrategista de mercado global para a Ásia-Pacífico da Invesco. “Qualquer pista substancial de que estamos saindo da floresta regulatória é um sinal bem-vindo”, acrescentou.

 

[ad_2]

Versão em português por Isabela Jordão. Baseado no texto originalmente escrito por Rafaelle Huang, Cao Li e Serena Ng para o The Wall Street Journal.

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?