Banco Central Europeu e Fed influenciam Zona do Euro; bolsas da Europa fecham em baixa

GettyImages-140862221-scaled

As bolsas europeias fecharam em baixa nesta terça-feira (06), apreensivas pelas incertezas em relação aos juros do Banco Central Europeu (BCE) e do Federal Reserve (Fed). A fala de um dirigente do BCE orientou o sentido dos negócios no mercado europeu.

Em depoimento à Reuters, Constantinos Herodotou, um dos conselheiros do Banco Central Europeu, destacou que as taxas de juros estão bem próximas ao nível neutro. Entretanto, garantiu que ainda haverá aumentos. 

De acordo com análise realizada pela CMC Markets, o mercado está pressionado pelo aguardo das reuniões do Fed e do BCE, que definirão o ritmo das próximas altas de juros. 

Entre os destaques do dia, a Vodafone fechou  em baixa de mais de 2,3%, após o presidente-executivo, Nick Read, anunciar sua saída da companhia, após ter completado um mandato de quatro anos. 

A Mondi fechou também em queda de 4,7%, logo após o Credit Suisse reduzir sua classificação do papel de desempenho à média do mercado (market perform) para desempenho inferior (under perform). 

Além disso, o acordo do parlamento europeu que proíbe a importação de produtos advindos de locais desmatados também esteve no radar dos investidores.

🇩🇪 DAX -0,72%
🇫🇷 CAC -0,14%
🇬🇧 FTSE -0,61%

#Notícias

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?