Bitcoin registra nova máxima em indicador de mineração

Bitcoin registra nova máxima em indicador de mineração

[ad_1]

Os números da taxa de hash do Bitcoin (BTC) estabeleceram novas máximas na noite de domingo, após cruzarem o topo anterior, de meados de 2021, segundo dados da ferramenta de análise Glassnode.

A taxa de hash se refere à quantidade de poder computacional usada por mineradores dedicados à emissão de novos bitcoins e à verificação de novas transações na rede do Bitcoin. Milhões de cálculos são resolvidos a cada segundo para ‘descobrir’ novos blocos, em um processo amplamente conhecido como mineração.

Taxas de hash mais altas significam uma rede mais forte e segura, tornando difícil para um grupo de invasores executar um ataque de 51% e obter o controle da rede.

Mas, a manutenção desse maquinário intensivo é cara e requer alto conhecimento técnico – o que historicamente levou mineradores a se instalarem em regiões do interior da China, onde a mão de obra é acessível e as condições climáticas são propícias.

O governo chinês, no entanto, não é amante das criptomoedas. A repressão aos mineiros locais e a empresas de mineração no ano passado fez a taxa de hash do Bitcoin despencar para de mais de 190 exahashes por segundo em abril de 2021 para até 61 exahashes por segundo em junho.

Os dados da época estimavam que mais de 46% da capacidade de computação do Bitcoin era fornecida por mineradores chineses. Desde então, a proibição levou a um êxodo de mineradores chineses para outras regiões, como Cazaquistão, Irã e Estados Unidos.

Mas, o Bitcoin se recuperou e a rede não demorou muito para se recuperar: os dados do Glassnode mostram que as taxas de hash aumentraram para 201 exahashes no sábado (1), ultrapassando os níveis de abril de 2021.

Alguns especialistas dizem que a recuperação mostra a resiliência da rede após uma queda repentina no ano passado. “O desgaste e a recuperação total de uma queda de mais de 50% devido a uma proibição de mineração pelo país com mais poder de mineração foi um marco importante para a resiliência da rede”, disse o fundador da carteira digital Casa e desenvolvedor de Bitcoin Jameson Lopp, em um tweet na noite de domingo (2).

Segundo dados da Glassnode, a taxa de hash do Bitcoin ronda os 189 exahashes por segundo na manhã desta segunda-feira (3).

Quer aprender a investir em criptoativos de graça, de forma prática e inteligente? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir

[ad_2]

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?