Bolsas da Ásia fecham mistas, frente crescimento da indústria da China e dia de anúncio do Fed

F7786801-E298-43D0-AC1B-D0D77204FEC3

As bolsas da Ásia fecharam sem direção única nesta quarta-feira (15), divididas entre a cautela instigada pela decisão de política monetária do Fed e novos dados da economia chinesa. Enquanto os índices do Japão replicaram o desempenho negativo pela quarta sessão em série, as bolsas de Xangai e Hong Kong fecharam com ganhos.

Na China, a produção industrial cresceu 0,7% em maio na comparação anual, contrariando a projeção de 1% de queda dos analistas consultados pelo Wall Street Journal. Já as vendas no varejo do país caíram 6,7% no mesmo período, uma desaceleração frente à queda de 11,1% em abril. O resultado também foi melhor que o recuo projetado, de 6,9%.

A flexibilização das restrições de combate à Covid-19 na China foram o principal impulso para a melhora da atividade econômica. A taxa de desemprego urbano pesquisado no país caiu para 5,9%, comparada ao crescimento de dois anos de 6,1% em abril.

Apoiadas pelos dados, ações de seguradoras e o setor imobiliário ganharam espaço para se valorizarem, enquanto os papéis de energia corrigiram parte dos ganhos recentes. A Cnooc caiu 5%, enquanto a PetroChina recuou 1,3%. A praça de Hong Kong acompanhou o movimento, em recuperação das perdas de segunda-feira.

Os índices do Japão e Coreia do Sul estenderam as perdas recentes, antes da decisão de política monetária do Fed. O banco central americano de pronuncia às 15h sobre a trajetória da política monetária americana. Dados recentes da inflação ao consumidor nos EUA aumentaram especulações sobre um reajuste de 0,75 p.p. da taxa de juros do país, ao invés dos 0,5 p.p. anteriormente precificados. Investidores temem que um aperto monetário mais agressivo pela instituição gere uma recessão econômica global.

🇨🇳 Shanghai +0,50% (3.305,41 pts)

🇯🇵 Nikkei -1,14% (26.326,16 pts.)

🇭🇰 Hang Seng +1,14% (21.308,21 pts.)

🇰🇷 Kospi -1,83% (2.447,38 pts.)

 

Com informações do Dow Jones Newswires.

 

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Receba o TradeNews no seu e-mail

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?