Bolsas da Ásia fecham negativas, com novos dados macroeconômicos da China

wance-paleri-NnRIrQ1USyw-unsplash (1)

As bolsas da Ásia fecharam majoritariamente em baixa nesta quarta-feira (09), ante nos dados macroeconômicos da China e desvalorização do petróleo no mercado global. Investidores seguem de olho na postura de Pequim sobre a política Covid-zero.

A bolsa de Xangai mostrou pouco fôlego, à medida que investidores avaliam a possibilidade de um relaxamento das regras do governo chinês de combate à Covid-19. Novos casos da doença em Pequim atingiram máximas em mais de cinco meses, e novos registros pelo país também bateram máximas em meses.

O índice de preços ao consumidor (CPI) da China subiu 2,1% em outubro na comparação anual, abaixo da previsão de alta de 2,3% dos analistas ouvidos pelo Wall Street Journal. Já o índice de preços ao produtor (PPI) caiu 1,3% em outubro na mesma comparação, o primeiro recuo desde dezembro de 2020, ante expectativa de queda de 1,5% dos analistas.

Ações de empresas de microchips e de bebidas alcoólicas ficaram entre as principais baixas no principal índice acionário chinês, com NAURA Technology Group em queda de 3,4% e Kweichow Moutai, de 1,7%.

No Japão, o índice Nikkei também registrou perdas, após dados mostrarem que o superávit em conta corrente do país diminuiu na primeira metade deste ano fiscal. Ações de energia foram as mais pressionadas, com Cosmo Energy em baixa de 1,7% e Idemitsu Kosan, de 2,7%.

Em Hong Kong, ações ligadas a tecnologia e a montadoras foram destaques negativos no mercado local.

Em contrapartida, o índice sul-coreano Kospi avançou pelo quarto pregão consecutivo, com investidores aguardando resultados das eleições de meio de mandato nos Estados Unidos. Estrangeiros apoiaram as ações locais, com energia e o setor financeiro entre as principais altas.

🇨🇳 Shanghai -0,53% (3.048)

🇯🇵 Nikkei -0,56% (27.716)

🇭🇰 Hang Seng -1,20% (16.358)

🇰🇷 Kospi +1,06% (2.424)

 

(Com Agência Estado e Dow Jones Newswires)

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?