Bolsas da Europa fecham em queda, com falas de integrantes do BCE em foco

Bandeira da União Europeia. Bolsas da Europa

As bolsas da Europa fecharam em queda nesta segunda-feira (21), acompanhando as falas de autoridades do Banco Central Europeu (BCE). Além disso, os investidores seguem de olho no aumento de casos de Covid-19 na China.

Segundo Philip Lane, economista-chefe do Banco Central Europeu, a instituição aumentará as taxas de juros mais uma vez em dezembro e no próximo ano para combater a inflação, mas esses aumentos podem ser menores do que os mais recentes.

Lane destacou que é importante reconhecer os atrasos na transmissão de política monetária. “O que importa é o nível a que vamos chegar. A alocação exata em diferentes reuniões é uma questão secundária. Mas quanto mais já fizemos, menos precisamos fazer”, completou.

Na China a preocupação é com a nova onda de infectados pelo coronavírus. No último domingo (20), foi anunciada a primeira nova morte por Covid-19 no país em quase meio ano. Com isso, voltou a impor medidas rigorosas de circulação de pessoas em Pequim e em todo o país para prevenir novos surtos, quebrando a política de Covid zero.

Além disso, a Alemanha publicou o índice de preços ao produtor (PPI), que registrou alta de 34,5% em outubro ante o mesmo período do ano passado. Os dados foram publicados pela Destastis, uma das principais agências de estatísticas do país.

🇩🇪 DAX -0,36%

🇫🇷 CAC -0,15%

🇬🇧 FTSE -0,12%

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?