Bolsas da Europa fecham sem direção única, após divulgação de balanços corporativos

Foto da bandeira da União Europeia. Representa bolsas da Europa

As bolsas da Europa fecharam sem sinal único nesta sexta-feira (28), ainda repercutindo o aperto monetário por parte do Banco Central Europeu (BCE) e as divulgações de balanços corporativos.

Além disso, os investidores ainda analisam o anúncio de ontem por parte do BCE, que decidiu aumentar a taxa de juros da Zona do Euro em 0,75 ponto percentual.

Jorg Kramer, economista-chefe do banco alemão Commerzbank, afirmou que “mesmo que a taxa de inflação na Zona do Euro caia visivelmente no próximo ano, a inflação ainda estará longe de ser derrotada. Mas até onde será preciso ir para que a inflação volte ao controle? Alguns investidores esperam que a recessão que se aproxima no inverno tire uma parte considerável do trabalho do banco central. Afinal, em recessões anteriores, a inflação geralmente caiu porque a demanda caiu significativamente”.

Na Alemanha, o produto interno bruto (PIB) cresceu 0,3% no terceiro trimestre, de acordo com a preliminar publicada hoje pelo escritório de estatísticas do país, o Destatis.

Já no território francês, o PIB registrou alta de 0,2% no terceiro trimestre, ante elevação de 0,5% no segundo trimestre. Os analistas do The Wall Street Journal previam alta de 0,1%.

🇩🇪 DAX +0,24%

🇫🇷 CAC +0,46%

🇬🇧 FTSE -0,37%

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?