Fique de olho em Tenda [TEND3], Itaú [ITUB4], Eletromídia [ELMD3] e outras

bolsa

Entre os destaques corporativos desta sexta-feira (25), os investidores reagem ao pedido de registro de oferta pública de distribuição primária da Tenda.

Tenda [TEND3]

A Tenda protocolou junto à CVM um pedido de registro de oferta pública de distribuição primária de, inicialmente, 15 milhões de ações ordinárias (ON) de emissão própria.

Com a operação, a construtora poderia arrecadar até R$ 279,8 milhões, mediante a colocação da totalidade de ações adicionais, com base em um preço de R$ 14,92 por ação ofertada, de acordo com a cotação do fechamento anterior (quinta-feira, 24 de agosto).

Desconsiderado o lote adicional, o montante total mobilizado pela operação de follow-on seria de R$ 223,8 milhões.

Alliança Saúde [AALR3]

A Alliança Saúde, ex-Alliar, contratou a Credit Suisse (Brasil) S.A. Corretora de Títulos e Valores Mobiliários para prestar serviços de formador de mercado.

Credit Suisse vai iniciar a prestação de serviços de formador de mercado nesta sexta-feira, 25 de agosto, e o prazo de duração do contrato vai ser de um ano, prorrogável automaticamente por iguais períodos, caso não haja manifestação contrária de qualquer das partes.

Copel [CPLE6]

A Copel informou que lançou seu novo programa de demissão voluntária (PDV).

De acordo com a companhia, o empregado que aderir voluntariamente ao PDV vai receber trinta remunerações como compensação indenizatória pela extinção do contrato de trabalho.

Cada empregado vai ter direito ao valor mínimo de R$ 150 mil, bem como o pagamento pela companhia da multa de 40% do valor-base para fins rescisórios do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – FGTS.

Após o desligamento, vai ser concedida a manutenção por doze meses do pagamento do subsídio mensal referente à mensalidade do plano de saúde e do auxílio-alimentação.

Dasa [DASA3]

A Dasa comunicou aos seus acionistas, investidores e ao mercado em geral a renúncia de Felipe da Silva Guimarães ao cargo de diretor financeiro (CFO), ao passo que André Covre, ex-Americanas por menos de dez dias, foi nomeado para substitui-lo a partir da próxima segunda-feira, 28 de agosto.

O novo CFO foi eleito o melhor do cargo dentre seus rivais no setor na região da América Latina pela publicação Institutional Investor por quatro anos consecutivos, além de acumular passagens por empresas multinacionais como a Unisys Corporation, nos Estados Unidos, e ABN AMRO Capital, na Europa.

Eletromídia [ELMD3]

A Eletromídia comunicou que o seu conselho de administração aprovou a realização da 4ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie com garantia real, em série única, para distribuição pública.

A oferta vai ser composta por 350.000 debêntures, com valor nominal unitário de R$ 1.000,00, em série única, o que perfaz o montante total da emissão de R$ 350.000.000,00, na data de emissão dos títulos, qual seja, 24 de agosto.

Equatorial [EQTL3]

A Equatorial Energia comunicou que a Aneel homologou o reajuste anual das tarifas de sua subsidiária Equatorial Maranhão, que passa a valer a partir da próxima segunda-feira (28).

Even [EVEN3]

A Even informou que, em assembleia-geral extraordinária (AGE) realizada na última quinta-feira, 24 de agosto, seus acionistas autorizaram a aquisição, pela companhia, de 8.710.000 de ações ordinárias (ON) de sua própria emissão, para manutenção em tesouraria e posterior cancelamento.

Em reunião realizada na mesma data, o conselho de administração aprovou que, uma vez concluída a aquisição das ações acima referida, 10.000.000 de ações ordinárias de sua emissão, das quais 1.290.000 ações já se encontram em tesouraria, sejam integralmente canceladas.

Itaú [ITUB4]

O Itaú vai pagar R$ 0,2663 por ação ordinária (ON) e ação preferencial (PN), com retenção de 15% de imposto de renda (IR) na fonte.

A distribuição resulta em juros líquidos de R$ 0,226355 por ação, excetuados dessa retenção os acionistas pessoas jurídicas (PJ) comprovadamente imunes ou isentos.

Pagamentos serão efetuados nesta sexta-feira, 25 de agosto, e contemplarão investidores posicionados em base acionária ao fim da sessão de 19 de junho.

Paranapanema [PMAM3]

A Paranapanema, em recuperação judicial, comunicou que os credores aprovaram o plano de recuperação judicial da empresa e de suas controladas, o Centro de Distribuição de Produtos de Cobre (CDPC) e a Paraibuna Agropecuária.

Taesa [TAEE11]

Na quinta-feira, 24 de agosto, a Taesa comunicou a seus acionistas, investidores e ao mercado em geral que inaugurou o novo Centro de Operação do Sistema TAESA (COS).

De acordo com a companhia, o COS foi preparado para aumentar a capacidade de atuação e sustentar o crescimento da Taesa no setor de transmissão, além de proporcionar maior confiabilidade e segurança operacional para o desenvolvimento do setor energético no Brasil.

Yduqs [YDUQ3]

O conselho de administração da Yduqs deliberou e aprovou, com unanimidade, a 9ª emissão, pela companhia, de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, para colocação privada, em até três séries, no valor total de R$ 700.000.000,00 na data de emissão.

Tal valor pode ser acrescido em até 25% (vinte e cinco por cento), ou seja, em até R$ 175.000.000,00, em razão do exercício, total ou parcial, da opção de lote adicional da companhia.

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?