Fique de olho em Vale (VALE3), 3R Petroleum (RRRP3), PetroRio (PRIO3) e outras

joshua-mayo-HASoyURgPMY-unsplash (1)

Entre os destaques corporativos desta quinta-feira (06), Embraer (EMBR3) recebeu pedido da SalamAir para seis jatos E195-E2, avaliado em US$ 934,6 milhões, Vale (VALE3) e SHS assinaram memorando em busca de soluções no processo de produção do aço carbono-neutro, e Dommo (DMMO3) divulgou a produção de setembro, Irani (RANI3) disponibilizou a apresentação do ESG + Investor Day 2022, referente ao evento de hoje.

CCR (CCRO3) adquiriu VLT Carioca, 3R Petroleum (RRRP3) e Priner (PRNR3) prestaram esclarecimentos sobre oscilações atípicas em suas ações, Rossi (RSID3) informou que há ação por atraso de obra contra a empresa e a Caliandra, requerendo indenização de R$ 44 mil, e Grupo Mateus (GMAT3) celebrou um instrumento de compromisso com o FII TRX Real State, objetivando venda e locação de três imóveis por R$ 182,64 milhões.

Fleury (FLRY3) inaugurou três unidades da marca Campana, na Grande São Paulo, Minerva (BEEF3) recebeu correspondência da AllianceBernstein e da Equitable Holdings, informando que alienaram ações ordinárias emitidas pela empresa, e PetroRio (PRIO3) divulgou seus dados preliminares de setembro.

Além disso, Hapvida (HAPV3) comunicou a homologação do Despacho Decisório, e Gol (GOLL4) anunciou os números prévios de tráfego de setembro de 2022.

Embraer (EMBR3)

A SalamAir, companhia aérea de baixo custo de Omã, no Oriente Médio, assinou um pedido firme para seis jatos E195-E2 da Embraer, com direito de compra para outras seis aeronaves. 

O E195-E2, avião mais silencioso e eficiente da categoria, será entregue a partir do final de 2023, com configuração para 135 assentos com duas classes de serviço. O negócio está avaliado em US$ 934,6 milhões, a preço de lista, com todas as opções sendo exercidas. A operação será adicionada à carteira de pedidos firmes da Embraer do terceiro trimestre de 2022. 

Segundo a Embraer, a SalamAir optou pelo E195-E2 para complementar sua frota de narrowbodies da Airbus em função dos benefícios e da flexibilidade proporcionados pelo dimensionamento adequado da frota. “Além disso, a escolha possibilita o aumento das frequências e rotas, desenvolvendo novos mercados de forma lucrativa.”

Vale (VALE3)

A Vale e a siderúrgica alemã Stahl-Holding-Saar (SHS) assinaram um memorando de entendimento para buscar soluções focadas no processo de produção do aço carbono-neutro. 

As empresas pretendem estudar e explorar, em conjunto, dentre outras iniciativas, a utilização do briquete verde de minério de ferro da Vale e pelotas de redução direta na siderurgia; uma planta de briquete localizada próxima às instalações da SHS; e a tecnologia da Tecnored. 

Segundo a mineradora brasileira, a iniciativa contribui para alcançar o compromisso da Vale de reduzir 15% das emissões líquidas de Escopo 3 até 2035. Desde 2021, a Vale engajou aproximadamente 30 clientes siderurgistas, representando cerca de 50% das emissões de Escopo 3 da empresa. Além disso, a Vale busca reduzir suas emissões absolutas de Escopo 1 e 2 em 33% até 2030 e alcançar neutralidade até 2050, em linha com o Acordo de Paris, liderando o caminho em direção à mineração sustentável.

Dommo (DMMO3)

A Dommo divulgou a produção de setembro. No mês passado, a empresa produziu 25.620 barris, queda de cerca de 0,03% em relação ao mês anterior.

Irani (RANI3)

A Irani disponibilizou a apresentação do ESG + Investor Day 2022, que pode ser encontrado no site de Relações com Investidores da empresa. O evento ESG + Investor Day 2022 terá início hoje (06) às 10h, em formato híbrido e transmitido para o público em geral.

3R Petroleum (RRRP3)

A 3R Petroleum prestou esclarecimentos sobre oscilações atípicas em suas ações entre os dias 21 de setembro e 4 de outubro. Na última terça-feira (04), especificamente, os papéis saltaram 10,40%*. (*cotação referente às 13h40)

A companhia afirmou que não identificou fatos que possam justificar a movimentação atípica. Contudo, a divulgação de relatório, na segunda-feira passada (03), por agente de mercado de grande penetração, referente à tese de investimentos da 3R, poderia potencialmente justificar tal valorização.

CCR (CCRO3)

A CCR concluiu a transferência para a companhia da totalidade das ações detidas pela Riopar na Concessionária no VLT Carioca, equivalente a 3,01% de seu capital social, passando assim a deter 93,82% de participação no VLT. 

Além disso, também foi realizada a cessão à CCR da totalidade dos direitos creditórios detidos pela Riopar em face da concessionária, relativos aos mútuos concedidos pelas acionistas do VLT Carioca. 

Rossi (RSID3)

A Rossi informou que Luís Gustavo Moraes Quines possui uma ação por atraso de obra em face das empresas Rossi e Caliandra, postulando indenização de danos morais e materiais no valor de cerca de R$ 44 mil. 

Além disso, quanto ao requerimento de falência distribuído em 9 de setembro de 2022 à 3ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo/SP, a Rossi comunicou que a ainda não foi citada e, tão logo o seja, apresentará no prazo legal sua defesa. 

A empresa ainda ressaltou que o pedido de recuperação judicial da companhia e de outras 313 sociedades integrantes do Grupo Rossi foi deferido. E, dentre outras providências, a decisão determinou a suspensão de todas as ações e execuções atualmente em curso contra o grupo, pelo prazo de 180 dias contados de 19 de setembro de 2022, dia do pedido de recuperação judicial.

Grupo Mateus (GMAT3)

O Grupo Mateus celebrou um instrumento particular de compromisso de investimento imobiliário com o FII TRX Real State. O objetivo é a venda e locação de três imóveis, localizados em Belém (PA), Juazeiro (BA) e Petrolina (PE), na modalidade de sale and leaseback por R$ 182,64 milhões.

O valor pode sofrer alterações, mas ao final, o valor total efetivamente despendido pelo fundo com a aquisição dos imóveis servirá de base para definição do valor final dos aluguéis mensais. 

Fleury (FLRY3)

O Fleury inaugurou três unidades da marca Campana, na Grande São Paulo. A marca foca no segmento de acesso com unidades compactas, com necessidade de baixo investimento e ampla oferta de exames de análises clínicas.

Segundo a empresa, também há oferta de exames a preços acessíveis àqueles sem cobertura de saúde suplementar, além do atendimento móvel. “Este modelo de negócio permite aos pacientes na unidade uma experiência fluída, descomplicada e digital com agilidade na abertura de ficha, validação de carteirinha e obtenção de resultados”, informou a Fleury em comunicado.

Minerva (BEEF3)

A Minerva recebeu correspondência da AllianceBernstein e sua controladora Equitable Holdings, informando que alienaram ações ordinárias emitidas pela empresa. As administradoras de investimentos alcançaram, de forma agregada, cerca de 29,19 milhões de ações da Minerva, representando, aproximadamente, 4,8% do total das ações ON emitidas pela empresa.

PetroRio (PRIO3)

A PetroRio divulgou seus dados preliminares operacionais não auditados de setembro. A produção diária total foi de 49.641 barris de óleo equivalente por dia (boepd), 21,57% acima da produção do mês anterior. As vendas de óleo quase dobraram em relação a agosto, alcançando 1.994.764 bbl em setembro.

A empresa ainda informou que o poço MUP3A, no Campo de Frade, teve sua produção temporariamente interrompida devido a uma falha no equipamento de completação e será reparado durante o quarto trimestre, e que a produção do Campo de Manati foi afetada por uma interrupção na produção em decorrência da redução da demanda de gás.

Hapvida (HAPV3) 

A Hapvida comunicou que ocorreu a homologação do Despacho Decisório de Nº 8/2022/GAB6/CADE, que determinou a extinção e arquivamento do processo do ato de concentração referente à transferência, para a Hapvida, da carteira de beneficiários de planos de saúde da Plamed em razão da desistência da operação pelas partes.

Gol (GOLL4)

A Gol anunciou os números prévios de tráfego de setembro de 2022 em comparação com o mesmo período de 2021.

A oferta total (ASK) da empresa aumentou em 36,9%, o total de assentos cresceu em 29,5% e o número de decolagens evoluiu 30,1%. Além disso, a demanda total (RPK) da Gol saltou 41,4% e a taxa de ocupação foi 81,7%.

Em relação ao mercado doméstico, a oferta (ASK) da companhia aérea cresceu 23% e a demanda (RPK), 27,0%. O volume de decolagens também aumentou, em 24,5%

No mercado internacional, a oferta (ASK) foi de 323 milhões, a demanda (RPK) da GOL foi 265 milhões e a taxa de ocupação foi 82%.

Priner (PRNR3)

A Priner prestou esclarecimentos sobre oscilações atípicas em suas ações entre os dias 22 de setembro e 5 de outubro. Na última quarta-feira (05), especificamente, os papéis saltaram 11,11%*. (*cotação referente às 14h36)

Em resposta ao ofício, a companhia informou que não tem conhecimento de nenhuma ação que possa justificar a movimentação. Contudo, ressaltou que divulgou a prévia operacional do 3T22, que pode ter tido influência na valorização das ações da empresa.

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?