IPCA sobe 0,67% na variação mensal, enquanto projeções do Boletim Focus para 2022 descem 1 p.p.

wance-paleri--5VN1iu3Cdk-unsplash

As bolsas da Europa e os futuros de Nova York operam sem direção única nesta sexta-feira (08), em compasso de espera pelo relatório oficial de empregos dos EUA (payroll). A projeção aponta 268 mil novos postos de trabalho criados em junho e expectativa de estabilidade para a taxa de desemprego, a 3,6%. Os números têm forte influência sobre as decisões de política monetária do Fed, e ganham importância adicional dentro do contexto de uma possível recessão econômica global derivada do aperto monetário. Investidores também digerem os discursos de duas autoridades do Fed ontem, que impulsionaram os mercados à vista em Wall Street. Christopher Waller e James Bullard defenderam um reajuste de 0,75 p.p. da taxa de juros do BC americano para a próxima reunião. Entretanto, os dois minimizaram a possibilidade de recessão. Bullard afirmou que ainda acredita na capacidade do BC americano de realizar um “pouso suave” da economia — processo no qual a economia desacelera o suficiente para reduzir a inflação, mas não a ponto de desencadear uma recessão. O discurso de Waller seguiu a mesma linha.

As bolsas da Ásia fecharam majoritariamente em alta, acompanhando o desempenho das bolsas de Nova York na véspera. Apesar do otimismo inspirado pelos comentários nas praças asiáticas, o índice do Japão reduziu ganhos após o ex-primeiro-ministro do país Shinzo Abe ser baleado durante um discurso de campanha, que precedia a eleição parlamentar do próximo domingo (10). Abe, de 67 anos, faleceu algumas horas depois.

Por aqui, o mercado digere a atualização do Boletim Focus referente ao período de 6 de maio a 1º de julho, em meio à retomada de divulgações do Banco Central após o fim da greve de servidores. O mercado olha também o IPCA de junho, com a última variação dos preços antes do impacto da redução de impostos sobre combustíveis recentemente aprovada no Congresso. O indicador subiu 0,67% no comparativo mensal, 0,20 p.p. acima da taxa de maio (0,47%). No ano, o IPCA acumula alta de 5,49% e, nos últimos 12 meses, de 11,89%. Em Brasília, a votação da PEC dos benefícios sociais foi adiada para a próxima terça-feira (12), por falta de quórum.

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?