Petrobras contrata linha de crédito de US$ 5 bi, acordo GPA-Assaí, proventos de Marfrig e mais companhias em destaque

Petrobras contrata linha de crédito de US$ 5 bi, acordo GPA-Assaí, proventos de Marfrig e mais companhias em destaque


O noticiário corporativo desta sexta-feira (17) tem como destaque que a Petrobras (PETR4;PETR3) contratou uma linha de crédito compromissada no valor de US$ 5 bilhões, com vencimento em dezembro de 2026.

Já o GPA (PCAR3) assinou com o Assaí contrato de cessão de direitos de exploração de até 70 pontos comerciais, pelo montante total de até R$ 3,97 bilhões.

A Cogna (COGN3), por sua vez, recebeu autorização para inícios de atividades de graduação em medicina em Codó (MA).

A Marfrig (MRFG3), Sanepar (SAPR11), Guararapes (GUAR3), Simpar (SIMH3) e Unipar (UNIP3), entre outras aprovaram a distribuição de proventos.

Confira os destaques:

Leilão da cessão onerosa

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realiza o leilão da 2ª rodada da cessão onerosa, com potencial de arrecadação de R$ 11,14 bilhões em bônus de assinatura.

Vão ser ofertadas reservas de petróleo nos campos Sépia e Atapu, no pré-sal na Bacia de Santos, no regime de partilha da produção. O leilão será realizado no Rio de Janeiro, a partir das 10h, no Windsor Barra Hotel.

Petrobras (PETR4;PETR3) 

A Petrobras (PETR4;PETR3) contratou uma linha de crédito compromissada no valor de US$ 5 bilhões, com vencimento em dezembro de 2026, podendo ser prorrogada por até dois anos.

O contrato, assinado com 16 bancos, será utilizado para substituir a linha de crédito compromissada no valor de US$ 4,35 bilhões, contratada em 2018, que venceria em março de 2023 e foi cancelada ontem (16).

GPA (PCAR3) e Assaí (ASAI3)

O GPA (PCAR3) assinou com o Assaí o contrato de cessão de direitos de exploração de até 70 pontos comerciais, pelo montante total de até R$ 3,97 bilhões.

O valor será pago pelo Assaí, de forma parcelada, entre dezembro de 2021 e janeiro de 2024.

Cogna (COGN3) 

A Cogna Educação (COGN3) informou que recebeu do Ministério da Educação (MEC) autorização para inícios de atividades de graduação em medicina em Codó (MA),  com 50 vagas anuais na Faculdade de Ciências da Saúde Pitágoras de Codó, localizada no município de Codó, Estado do Maranhão (MA).

Com essa autorização, a empresa dá mais um importante passo na direção da sua estratégia operacional na qual a Medicina é um dos pilares de crescimento.

JBS (JBSS3)

Um leilão de ações da JBS movimentou R$ 2,66 bilhões na B3 nesta quinta-feira, com a venda de 70 milhões de ações. O vendedor dos papéis foi o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que se desfez de 12% das ações que tinha do grupo frigorífico.

A venda dos papéis, um “block trade” no jargão do mercado, foi coordenada pelo Bank of America. O banco americano foi o maior comprador dos papéis, levando 68 milhões de ações.

Segundo fontes ouvidas pelo Broadcast, a própria JBS ficou com essas ações. O mercado levou apenas 2 milhões.

Para o BNDES, as fontes destacam que foi o momento certo para começar a vender a fatia da JBS, pois está se desfazendo das ações com o papel na alta.

Marfrig (MRFG3) 

A Marfrig (MRFG3) aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 830,11 milhões, equivalentes a R$ 1,250217332 por ação ordinária.

Terão direito aos dividendos os acionistas da companhia na data-base de 17 de dezembro. O pagamento está previsto para o dia 28 de dezembro.

Além disso, a Marfrig informou que recomprou parcela equivalente a US$ 100 milhões do principal das notas sênior em circulação com remuneração de 7% ao ano e vencimento em 2026, emitidas em 14 de maio de 2019 pela NBMUS Holdings Inc.

Unipar (UNIP3) 

A Unipar (UNIP3) aprovou a distribuição total de R$ 450 milhões em dividendos. O pagamento será realizado a partir de 30 de dezembro.

Para as ações ordinárias serão destinados R$ 137,72 milhões, equivalentes a R$ 4,17253434074 por ação.

Para as ações preferenciais classe “A” será pago o montante de R$ 9,31 milhões, correspondente a R$ 4,58978777482 por ação.

Para as ações preferenciais classe “B” será pago o montante de R$ 272,47 milhões, equivalente a R$ 4,58978777482 por ação.

Farão jus aos dividendos os detentores de ações da companhia em 21 de dezembro.

Lojas Renner (LREN3)

A Lojas Renner (LREN3) aprovou o pagamento de JCP no valor de R$ 127 milhões, correspondentes a R$ 0,128901 por ação, com base na posição acionária do dia 21 de dezembro de 2021.

O  pagamento  será  efetuado conforme  definição na Assembleia Geral Ordinária  de  2022.

Santos Brasil (STBP3)

A companhia aprovou dividendos no valor de R$ 126,7 milhões, além JCP de R$ 97,4 milhões, com base na posição acionária do dia 21 de dezembro.

O pagamento será efetuado em 30 de dezembro de 2021.

Track & Field (TFCO4) 

A Track & Field (TFCO4) aprovou a distribuição de Juros sobre o Capital Próprio (JCP) no montante bruto de R$ 1,39 milhões.

Os acionistas posicionados no papel em 21 de dezembro farão jus aos proventos. O pagamento será efetuado a partir do dia 27 de dezembro.

Sanepar (SAPR11) 

A Sanepar (SAPR11) aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio (JCP) no valor bruto de R$ 174,7 milhões, corresponde a R$ 0,10842730054 por ação ordinária e R$ 0,11927003059 por ação preferencial. Já o valor para cada unit corresponde a R$ 0,58550742290.

O pagamento será realizado com base na posição acionária de 30 de dezembro. Já a data de pagamento ainda será definida em Assembleia.

BMG (BMGB4) 

O BMG (BMGB4) distribuirá JCP no valor bruto de R$ 184 milhões, equivalente a R$ 0,315510800 por ação.

O pagamento será efetuado até 29 de abril de 2022, tendo como base a posição acionária registrada no dia 27 de dezembro.

Grazziotin (CGRA4) 

A Grazziotin (CGRA4) aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio no valor bruto de R$ 14 milhões, correspondentes a R$ 0,724776 por ação.

Farão jus aos juros os acionistas da companhia detentores de ações em 22 de dezembro.

Fras-le (FRAS3) 

A Fras-le (FRAS3) comunicou que no dia 19 de janeiro de 2022 será iniciado o pagamento de Juros Sobre o Capital Próprio (JCP) no montante de R$ 23 milhões.

O valor equivale a R$ 0,107239 por ação ordinária.

Terão direito ao recebimento os investidores da base acionária de 21 de dezembro.

Boa Vista BOAS3) 

A Boa Vista (BOAS3) comunicou a distribuição de JCP no montante bruto de R$ 35,14 milhões, resultando em um valor por ação de R$ 0,06613.

Os beneficiários dos proventos serão os acionistas detentores de ações no dia 22 de dezembro. O pagamento do JCP será efetuado em 15 de abril de 2022.

Simpar (SIMH3) 

A Simpar (SIMH3) aprovou o pagamento de R$ 84,27 milhões a título de JCP. O valor corresponde a R$ 0,105112556 por ação.

Farão jus aos proventos os detentores de ações de emissão da Companhia, conforme posição acionária de 22 de dezembro de 2021.

O pagamento está previsto para o dia 31 de janeiro de 2022.

Guararapes (GUAR3) 

A Guararapes (GUAR3) aprovou o creditamento de JCP no valor bruto de R$ 204,52 milhões, correspondente a R$ 0,4097 por ação.

De acordo com a legislação vigente, farão jus aos juros os acionistas da Companhia detentores de ações em 21 de dezembro.

Neoenergia (NEOE3)

O Conselho de Administração da companhia aprovou Juros sobre Capital Próprio, no valor de  R$ 160 milhões, correspondentes a R$ 0,1318177317 por ação ordinária.O pagamento será realizado até 31 de dezembro de 2022 sematualização monetária, com base na posição acionária de 05 de janeiro de 2022.

Além disso, a Neoenergia vai prorrogar por novo período de 18 meses programa de recompra de até 2.555.000 de ações de emissão, por meio da contratação de instrumento financeiro (Equity Swap).

Eucatex (EUCA4)

A Eucatex (EUCA4) aprovou a declaração de juros sobre o capital próprio, no valor líquidos de R$  0,21871341 por ação ON e no valor de R$ 0,24058482 por ação preferencial, cujo pagamento será realizado até o final do exercício de 2022, tomando como base de cálculo a posição acionária final do dia 21 de dezembro de 2021.

PetroRecôncavo (RECV3)

A PetroRecôncavo (RECV3) informou que seus dados de produção preliminares em novembro ficou em 12.279 barris de petróleo equivalentes por dia (boepd), elevação de 1% quando comparado ao mês anterior.

Ao comparar o mês de novembro com a média do 3T21 foi registrado um aumento de 0,3%.

Dexxos (DEXP3)

A Dexxos (DEXP3) informou que suas investidas Apolo Tubulars e Apolo Tubos e Equipamentos contratou linha de crédito junto à Agência Especial de Financiamento Industrial (FINAME), subsidiária do Banco Nacional de Desenvolvimento – BNDES, no valor total de até R$ 96 milhões.

Os recursos poderão ser utilizados pelas Investidas para aquisição e comercialização de máquinas, equipamentos, sistemas industriais, componentes e bens de informática e automação, capital de giro, e/ou aquisição de outros bens industrializados de fabricação nacional.

Pet (PETZ3) 

A Pet (PETZ3) aprovou na quinta (16)  a  incorporação das ações da Zee Dog.

Assim sendo, o capital social da Petz foi aumentado para R$ 535 milhões, mediante a emissão de 23.777.778 ações ordinárias, a serem subscritas por acionistas da Zee.Dog.

EDP (ENBR3) 

O Conselho de Administração da EDP (ENBR3) aprovou a 13ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, em série única, no montante total de R$ 450 milhões.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Receba o TradeNews no seu e-mail

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?