Próxima semana tem reuniões do Copom e do Fomc

A partir das cartas de gestores e de pesquisa interna da XP Investimentos, o TradeNews teve acesso às perspectivas das principais gestoras de fundos do Brasil para o cenário político-fiscal do país do próximo ano

Panorama de 11 a 15 de dezembro

Nesta semana, o destaque e expectativas se concentraram no payroll americano, divulgado nesta sexta-feira (08). Dados mostraram que foram criados 199 mil empregos nos Estados Unidos em novembro, acima da previsão de 183 mil.

A taxa de desemprego americana ficou em 3,7%, abaixo das expectativas de 3,9%. 

Por aqui, o Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre avançou 0,1% em relação ao segundo trimestre, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação anual, o indicador subiu 2%. 

O indicador ficou acima do consenso Refinitv, o qual indicava uma queda de 0,2% na comparação trimestral e avanço de 1,9% ano a ano. 

Na próxima semana, investidores acompanham as últimas decisões de política monetária do Comitê de Política Monetária (Copom) e do Federal Open Market Committee (Fomc).

Radar de Proventos

Na segunda-feira (11) ficam “ex-dividendos” as ações da Auren [AURE3] e EMAE [EMAE4].

Isto sendo, investidores posicionados nas referidas ações até a sexta-feira (08) terão direito aos proventos anunciados.

Já na terça-feira (12) ficam “ex” as ações do Banco do Brasil [BBAS3], Smart Fit [SMFT3] e Cyrela [CYRE3].

Os papéis da Metisa [MTSA4] ficam “ex-proventos” na quarta-feira (13).

Na quinta-feira (14), Copasa [CSMG3] e Grupo Pão de Açúcar* [PCAR3] ficam “ex”.

Por fim, na sexta-feira (01), os ativos da B3* [B3SA3], Carrefour* [CRFB3] M. Dias Branco [MDIA3], Alpargatas* [ALPA4] e Dexco* [DXCO3] ficam “ex-divendos”.

*O relatório da Bloomberg aponta que as datas em que estas ações ficam “ex-proventos” são apenas previsões, não estão confirmadas, estando sujeitas a mudanças.

Panorama do Ibovespa

O Ibovespa segue consolidado entre 125 mil e 128.200 pontos e é possível observar uma queda de volatilidade e volume, o que, na visão do analista técnico Filipe Borges, indica que o mercado não deve começar a cair agora.

 “Não tem nenhuma movimentação muito clara, uma movimentação no gráfico de 60 minutos que indique uma queda um pouco mais forte, o que daria início a uma correção de toda essa movimentação de alta”, afirmou.

Gráfico diário do Ibovespa. [Fonte: Filipe Borges/TradingView]

Para o especialista, o mercado tem chance de buscar os 128.200 pontos, que, caso rompidos, abrem espaço para altas até 130 mil e 131 mil pontos.

Dicas de Trades

Equatorial [EQTL3]

O ativo está em tendência de alta em um canal no gráfico semanal desde agosto de 2021 e, neste momento, encontra-se próximo da banda superior deste canal, sinaliza Borges.

Desempenho de EQTL3. [Fonte: Filipe Borges/TradingView]

“Com isso, não vejo novas entradas no ativo.” Para o investidor que está operando no curto prazo, o analista sugere já garantir parcialmente os lucros da operação, com stop abaixo dos R$ 33,00. Em relação a novas compras, Borges indica aguardar um novo toque na base inferior do canal de alta, que hoje está entre R$ 28,00 e R$ 29,50.

Caso o ativo continue subindo, o analista trabalha com alvo na região dos R$ 36,20.

Petrobras [PETR4]

O papel defendeu a região de suporte nos R$ 33,00 e já voltou a apresentar alta no pregão de hoje, disse Borges. Para ele, o ativo deve apresentar novas altas no início da próxima semana, na faixa dos R$ 35,30.

Desempenho de PETR4. [Fonte: Filipe Borges/TradingView]

“O rompimento dessa movimentação, dessa linha de tendência de baixa, abre espaço para altas em Petrobras com o próximo alvo em R$ 37,30.”

Caso haja perda do suporte nos próximos dias acompanhada de aumento na ponta vendedora, Borges sinaliza alvos na região dos R$ 31,40 aos R$ 29,00. “Mas reforço que, graficamente, a maior probabilidade que vejo no ativo nos próximos dias é de alta.”

EzTec [EZTC3]

A ação trabalha em movimentação de alta no gráfico diário, o que levou a Borges abrir uma operação de swing trade a R$ 18,62, com stop em R$ 17,56. Segundo o analista, o papel tem bom espaço para subir, no gráfico diário, entre os R$ 22,00 e R$ 24,50. 

Desempenho de EZTC3. [Fonte: Filipe Borges/TradingView]

“Um fluxo alinhado para compras, uma correção em médias com diminuição de fluxo vendedor e retomada de altas com entrada de fluxo comprador.”

Indicadores econômicos

Na próxima semana, o mercado acompanha as decisões de política monetária do Copom e do Fomc.

O Fomc deve manter a taxa de juros americana estável, no intervalo entre 5,25% e 5,50% – a maior desde 2001, afirmou o analista de macroeconomia Marco Ferrini. Segundo ele, a economia dos EUA apresentou sinais mais evidentes de desaceleração nas últimas semanas, diante da perda de ritmo de indicadores econômicos do país. 

“Apesar disso, entendemos que o Fed manterá a postura hawkish para evitar uma possível desancoragem das expectativas e euforia nos mercados”, contrapôs.

Além disso, ficam no radar as projeções do comitê para os próximos anos, a primeira desde setembro.

Já o Copom deve promover mais um corte de 0,5 p.p. na Selic, conforme sinalizado pelo próprio órgão nos últimos comunicados, o que leva a taxa a 11,75%, disse Ferrini. 

“Diante do cenário de redução das pressões inflacionárias, expectativas de inflação mais ancoradas, desaceleração das economias externas e balanço de riscos controlado, o BC afirmou nos comunicados recentes que pretende seguir com os cortes de 0,5 p.p. para as próximas reuniões.”

O principal risco quanto ao prosseguimento dessa trajetória de juros segue sendo a questão fiscal, mas, de acordo com o analista, essa questão não compromete o ciclo atual, até o momento.

Calendário Macroeconômico

Hora

País

Evento

Segunda-feira

8h25

 

Brasil

 

Boletim Focus

Terça-feira

4h

4h

4h

7h

9h

10h30

10h30

 

Reino Unido

Reino Unido

Reino Unido

Zona do Euro

Brasil

EUA

EUA

 

Variação no número de desempregados (nov)

Variação no emprego 3M/3M (out)

Taxa de desemprego (out)

Percepção econômica ZEW (dez)

IPCA ajustado (nov)

CPI (nov)

Núcleo do CPI (nov)

Quarta-feira

4h

4h

5h

7h

10h30

10h30

14h30

 

Reino Unido

Reino Unido

China

Zona do Euro

EUA

EUA

EUA

Brasil

 

Produção industrial (out)

PIB mensal (variação trimestral) (out)

Novos empréstimos

Produção industrial (out)

PPI (nov)

Núcleo do PPI (nov)

Estoques de petróleo em Cushing

Fluxo cambial estrangeiro

 

Quinta-feira

10h15

10h30

22h30

23h

23h

23h

 

 

Zona do Euro

EUA

China

China

China

China

 

 

Declaração de política monetária do BCE 

Pedidos de Auxílio-Desemprego

Preços de imóveis (nov)

Produção industrial (nov)

Produção industrial acumulada no ano (nov)

Taxa de desemprego na China (nov)

Sexta-feira

6h

6h

6h

6h30

6h30

8h

10h30

11h15

11h45

11h45

 

Zona do Euro

Zona do Euro

Zona do Euro

Reino Unido

Reino Unido

Brasil

EUA

EUA

EUA

EUA

 

PMI industrial (dez)

PMI composto S&P Global (dez)

PMI de serviços (dez)

PMI Composto

PMI de serviços

IGP-10 (dez)

Índice Empire State de atividade industrial (dez)

Produção industrial (nov)

PMI industrial (Dez)

PMI composto S&P Global (dez)  

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?