US$ 140 bilhões em liquidações, falha na Solana e mais assuntos que vão movimentar o mercado de criptos hoje

US$ 140 bilhões em liquidações, falha na Solana e mais assuntos que vão movimentar o mercado de criptos hoje


Em meio a mais um dia de realização de lucros, as criptomoedas perdem aproximadamente US$ 140 bilhões em valor de mercado com o Bitcoin (BTC) negociado na região dos US$ 48 mil. Em meio ao receio de que o criptoativo possa voltar a testar o nível de US$ 42 mil atingido no último final de semana, investidores buscam refúgio em rendimentos com plataformas DeFi.

Nenhum fato relevante do mercado está por trás da nova queda, que, segundo especialistas, é considerada natural para as criptomoedas, conhecidas por sua volatilidade. Segundo o analista de criptomoedas e investidor anjo Vinícius Terranova, o preço do Bitcoin caiu abaixo de uma linha de suporte que vinha sendo respeitada desde março de 2020, durante o crash dos mercados pela Covid-19, o que aponta para maior nível de incerteza sobre o movimento do ativo no curto prazo.

Quer aprender a investir em criptoativos de graça, de forma prática e inteligente? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir

Já Tasso Lago, gestor de fundos privados em criptomoedas e fundador da Financial Move, aponta que “nossos suportes mais importantes estão em US$ 46.554 e US$ 42.600”. O suporte é uma zona de preço com maior quantidade de ordens de compra.

A liquidação de hoje atinge as demais criptos com mais força. Enquanto o BTC opera em queda de 1,2%, para US$ 48.428, o Ethereum (ETH), que vinha se mantendo menos volátil, cede 4,9% nesta manhã, e vai a US$ 4.102. Já sua rival Solana (SOL) recua 5,7% após uma falha na rede na tarde de ontem.

No top 10, o pior resultado é o da XRP (XRP), que registra perda de 9%, para US$ 0,84. Já o desempenho da Tezos (XTZ), número 44 do ranking, decepciona com correção de 11% após disparada de preço na sequência do anúncio de adoção pela desenvolvedora de jogos Ubisoft.

Um punhado de altcoins opera em terreno positivo, liderado pelo projeto de cripto para Internet das Coisas chamado IoTeX (IOTX), que sobe 10,5%. Já a Near (NEAR) emenda o segundo dia de fortes ganhos com salto de 7,4%, um pouco mais que os 6,9% do token CEL, da plataforma de empréstimos e rendimentos Celsius Network (CEL).

Segundo o monitor de mercado DappRadar, investidores estão depositando mais criptoativos em protocolos de finanças descentralizadas (DeFi) nesta semana, em movimento em busca de rendimentos em meio à queda dos mercados. Em três dias, os valores investidos nesse tipo de produto financeiro subiram de US$ 133,5 bilhões para US$ 142,3 bilhões.

Confira o desempenho das principais criptomoedas às 7h04:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Bitcoin (BTC)US$ 48.428,32-1,2%
Ethereum (ETH)US$ 4.119,04-4,6%
Binance Coin (BNB)US$ 578,80-2,4%
Solana (SOL)US$ 177,33-5,4%
Cardano (ADA)US$ 1,30-5,4%

As criptomoedas com as maiores altas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
IoTeX (IOTX)US$ 0,135585+10,5%
Near (NEAR)US$ 9,85+7,4%
Celsius Network (CEL)US$ 3,85+6,9%
Quant (QNT)US$ 168,91+10,4%
Olympus (OHM)US$ 516,00+11,9%

As criptomoedas com as maiores baixas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Radix (XRD)US$ 0,246556-14,1%
Tezos (XTZ)US$ 4,68-10,5%
OKB (OKB)US$ 23,99-9,5%
XRP (XRP)US$ 0,843823-8,6%
Chainlink (LINK)US$ 19,80-8,1%

Confira como fecharam os ETFs de criptomoedas no último pregão:

ETFPreçoVariação
Hashdex NCI (HASH11)R$ 52,31-4,71%
Hashdex BTCN (BITH11)R$ 64,02-4,54%
Hashdex Ethereum (ETHE11)R$ 68,70-6,37%
QR Bitcoin (QBTC11)R$ 16,80-5,61%
QR Ether (QETH11)R$ 16,80+6,66%

Veja as principais notícias do mercado cripto desta sexta-feira (10):

Solana sofre ataque e validadores criticam rede

A Solana, blockchain rival do Ethereum conhecida por sua velocidade, apresentou forte lentidão na tarde de quinta-feira (9) com o corte de 75% na sua capacidade de processamento de transações, que caiu de 2.000 para menos de 500 transações por segundo.

O motivo teria sido um ataque DDoS contra validadores (nós) da rede. Um ataque DDoS é uma ofensiva que sobrecarrega servidores a ponto de esgotar sua capacidade de processamento até que deixem de funcionar, normalmente por meio de redes de bots que acessam um determinado endereço da web em massa.

“A rede Solana está sendo sobrecarregada com ataques DDoS que obstruíram a rede, causando atrasos ”, disse em nota a plataforma de NFT Blockasset, que roda na Solana.

À noite, quando o problema já havia aparentemente sido resolvido, controladores de empresas que trabalham na validação dos dados que trafegam na rede Solana se queixaram desta que foi a segunda pane na blockchain em 2021. Em setembro, outro ataque coordenado derrubou a rede por várias horas.

“Estou tentando atrair esses formadores de mercado e traders, mas eles simplesmente perdem muita confiança quando os nós caem e não sabem por quê”, ressaltou Daffy Durairaj, cofundador de uma plataforma de negociações que roda na Solana, segundo o site CoinDesk.

(Mais informações em breve)

Quer aprender a investir em criptoativos de graça, de forma prática e inteligente? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Receba o TradeNews no seu e-mail

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?