Ibovespa dispara, em meio a repercussão de resultados do primeiro turno das eleições e cenário externo positivo

business-g925def65b_1920

O Ibovespa fechou em forte alta nesta segunda-feira (03), atingindo patamar mais alto desde abril, com investidores repercutindo os resultados do primeiro turno das eleições. O cenário mais acirrado da disputa entre o presidente Jair Bolsonaro e o ex-presidente Lula gerou otimismo no mercado doméstico, assim como a eleição de um alto número de candidatos em teoria alinhados a princípios mais liberais. Além de fortalecer a base de um eventual segundo mandato de Bolsonaro, a vitória de candidatos alinhados ao posicionamento do atual presidente deve motivar uma maior aproximação de Lula, que obteve 48,40% dos votos válidos, a figuras ligadas ao centro para o segundo turno.

No exterior, o cenário também foi positivo para as ações brasileiras, com a forte alta do petróleo no mercado internacional impulsionando os papéis das petrolíferas, especialmente a Petrobras (PETR3; PETR4), com alto peso de negociação no índice. Além disso, a divulgação do índice de gerentes de compras (PMI) industrial abaixo do esperado nos Estados Unidos, de acordo com o Instituto para Gestão de Oferta (ISM), explicitou um nível de atividade mais reduzido, o que abre margem para uma possível suavização da postura do Fed em relação ao aperto monetário.

O dólar fechou em forte queda, refletindo o fluxo positivo de capital estrangeiro para a bolsa brasileira após o primeiro turno das eleições, com a eleição de um grande número de candidatos aparentemente alinhados a princípios mais liberais e pró-mercado agradando os investidores. As novas apostas de redução do ritmo do aperto monetário nos Estados Unidos enfraqueceram o dólar no mercado internacional e também colaboraram para esse movimento.

📊 Ibovespa 116.134,46 pontos (+5,54%)
💰 Volume R$ 46,1 bilhões
💵 Dólar R$ 5,1737 (-4,09%)

Entre os destaques positivos, a Sabesp (SBSP3) registrou a maior alta da sessão, com 16,49%. O mercado reage positivamente ao desempenho de Tarcísio de Freitas, ex-ministro do governo Bolsonaro e favorável à privatização da companhia, nas eleições para governador de São Paulo. O candidato recebeu 42,59% dos votos válidos, contra 35,46% de Fernando Haddad, com quem disputará o cargo em segundo turno, a ser realizado no dia 30.

Gol (GOLL4) e Azul (AZUL4) completaram o “pódio”, com avanços de 11,98% e 11,62%, em meio ao bom humor generalizado na bolsa e à forte queda do dólar. O impulso foi tão significativo que nem mesmo a disparada do petróleo no mercado internacional, que eleva os custos com combustíveis das companhias, conteve o avanço dos papéis.

Os papéis ligados à tecnologia foram favorecidos pela queda dos juros longos e se destacaram positivamente, com destaque para a Locaweb (LWSA3), que teve alta de 9,56%. O setor de construção também se beneficiou desse fator, assim como da perspectiva de fim do ciclo de alta da taxa Selic pelo Banco Central, com Cyrela (CYRE3), EzTec (EZTC3) e MRV (MRVE3) subindo 9,54%, 8,24% e 2,74%, respectivamente.

As petroleiras avançaram, impulsionadas não só pelo cenário doméstico, mas também pela escalada nos preços da commodity no mercado internacional. Petrobras ON (PETR3) e PN (PETR4) subiram 8,16% e 7,55%, respectivamente, enquanto PetroRio (PRIO3) e 3R Petroleum (RRRP3) avançaram 5,09% e 6,94%.

Do lado negativo, a Yduqs (YDUQ3) e a Cogna (COGN3) foram as únicas quedas do índice hoje, com 1,59% e 0,34%, respectivamente. O setor de educação foi pressionado pelo resultado mais acirrado do que o indicado pelas pesquisas eleitorais, nas quais o ex-presidente Lula apresentava chances de vitória no primeiro turno. Analistas apontam que a confirmação do segundo turno “frustrou” os investidores em relação aos papéis das companhias, visto que a expectativa é de que um eventual governo de Lula conceda mais investimentos e estímulos.

⬆️ Maiores altas do índice

🟢 SBSP3 +16,94%
🟢 GOLL4 +12,54%
🟢 AZUL4 +11,35%

⬇️ Maiores baixas do índice

🔴 YDUQ3 -1,59%
🔴 COGN3 -0,34%

(Com Agência Estado, BDM Online e Valor Econômico)

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?