Ibovespa fecha praticamente estável, descolado de pessimismo no exterior e de olho em fatores domésticos

stock-market-gece85d02d_1920

O Ibovespa fechou perto da estabilidade nesta quinta-feira (22), em leve alta e descolado de seus principais pares globais. Investidores estiveram atentos à divulgação de nomes para a equipe do novo governo Lula, que confirmou 14 novos ministros hoje. A queda de mineradoras e siderúrgicas, especialmente a Vale [VALE3], de grande peso sobre o índice, pressionou o resultado em sessão com liquidez reduzida por conta do final do ano. No exterior, o clima foi de pessimismo, motivado pela divulgação de novos indicadores econômicos nos Estados Unidos.

Para o economista-chefe da Nova Futura Investimentos, Nicolas Borsoi, o anúncio dos novos ministros “não pegou muito”, por consistir em nomes com pouca experiência em postos-chave e sem inclinação a uma agenda mais “intervencionista”, o que seria visto negativamente pelo mercado. A seleção de Rogério Ceron e Marcos Barbosa Pinto para compor a equipe de Fernando Haddad na Fazenda também foi recebida de forma “neutra” pelos investidores.

Entre os condicionantes externos, os dados mais fortes do que o esperado para o PIB do terceiro trimestre nos Estados Unidos preocuparam o mercado, tendo em vista a possibilidade da manutenção de uma postura agressiva pelo Fed com aperto monetário no país. O pessimismo se refletiu na queda dos principais índices de NY.

O dólar fechou em queda pela terceira sessão consecutiva, contrariando o movimento da moeda ante seus principais pares. A expectativa de recuperação da demanda na China melhora a perspectiva da demanda por commodities, o que tende a favorecer divisas de países emergentes, como o real brasileiro. O fluxo de capital estrangeiro permanece forte na bolsa, o que segue sustentando as valorizações da moeda doméstica ante a americana.

📊 Ibovespa 107.506,03 pontos (+0,07%)
💰 Volume R$ 24,7 bilhões
💵 Dólar R$ 5,1858 (-0,33%)

Marfrig [MRFG3] e JBS [JBSS3] lideraram os ganhos do dia, com altas de 6,74% e 3,21%. As companhias, ambas com forte exposição ao mercado americano, foram beneficiadas pelos números considerados fortes para o PIB dos Estados Unidos no terceiro trimestre.

Americanas [AMER3] e Grupo Soma [SOMA3] destoaram do setor e registraram alta, subindo 2,72% e 0,80%, respectivamente. O restante das varejistas fechou em queda, com investidores avaliando notícias do cenário político. Magazine Luiza [MGLU3] caiu 0,38%, enquanto Via [VIIA3] recuou 1,20%.

A Petz [PETZ3] recuou 1,82%, pressionada pela notícia da aquisição do Mundo Pet, líder do setor no Nordeste, pela Cobasi, o que afeta diretamente a liderança da companhia no mercado.

A Sabesp [SBSP3] avançou 2,41% e chegou a liderar as altas do índice hoje. Mais cedo, a companhia divulgou que a Arsesp, agência reguladora do setor em São Paulo, abriu uma consulta pública a respeito da revisão extraordinária de tarifa da companhia.

Os principais responsáveis por sustentar a leve alta do Ibovespa, no entanto, foram Petrobras ON [PETR3] e PN [PETR4], que avançaram 1,15% e 1,78%, e o setor bancário, com Santander [SANB11] e Banco do Brasil [BBAS3] se destacando com altas de 1,64% e 0,91%, respectivamente.

Para Pedro Galdi, da Mirae Asset, o mercado parece ter “gostado do nome” de Jean-Paul Prates, praticamente confirmado na presidência da estatal, o que motivou a alta da companhia hoje.

Do lado negativo, o IRB Brasil [IRBR3] teve queda de 5,94%, após cair mais de 7% ao longo da manhã, realizando parte dos lucros do dia anterior. Ontem, o papel, que é conhecido por possuir alta volatilidade, teve avanço de mais de 24%, repercutindo positivamente o resultado da companhia em outubro.

As mineradoras e siderúrgicas figuram em terreno negativo, pressionadas pela desvalorização da commodity de referência no mercado internacional. Operadores seguem atentos ao processo de reabertura na China, que deve movimentar a demanda pela commodity.

Vale [VALE3] caiu 0,57%, enquanto Gerdau [GGBR4] e Usiminas [USIM5] tiveram quedas de 1,87% e 0,43%.

A Braskem [BRKM5] caiu 1,99%, com o mercado reagindo à notícia de que a companhia paralisará temporariamente algumas operações no Texas, por conta de uma frente fria.

Tanto a SulAmérica [SULA11] quanto a Rede D’Or [RDOR3], em evidência nos últimos dias por conta da junção de suas operações, registraram quedas hoje, de 1,60% e 1,71%. A Qualicorp [QUAL3], envolvida indiretamente na operação, fechou estável.

⬆️ Maiores altas do índice

🟢 MRFG3 +6,74%
🟢 JBSS3 +3,21%
🟢 AMER3 +2,72%

⬇️ Maiores baixas do índice

🔴 IRBR3 -5,94%
🔴 LWSA3 -4,14%
🔴 POSI3 -2,28%

(Com Agência Estado e BDM Online)

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?