Senado não pauta mudança na Lei das Estatais; Ibovespa acompanha ritmo de Petrobras opera em alta

close up shot of a digital stock market tracking graph follwing a recent crash in prices. Bear market 3D illustration

O Ibovespa mudou a direção durante a manhã desta quinta-feira (15) e passou a subir para a faixa dos 105.387 mil pontos. A virada de sinal nas ações da Petrobras serviu de impulso para o índice operar também no positivo. 

A petrolífera comunicou, ontem, sobre a decisão favorável à manutenção de dividendos. Além disso, há indícios de que o Senado terá resistência a alterações na Lei das Estatais. A proposta aprovada pela Câmara não entrou na pauta de hoje, conforme previsto. 

No exterior, o mercado reage ao aumento dos juros em meio ponto percentual pelo Banco Central Europeu (BCE). O euro, por sua vez, diminuiu, enquanto os juros europeus avançaram. O BCE projeta que os juros subam mais, com revisão em alta substancial da inflação. 

Liderando as altas do Ibovespa, sobem os papéis da Marfrig [MRFG3], a 3,07%, com investidores repercutindo a aprovação de dividendos intercalares no montante total de R$ 600 milhões, a R$ 0,909518 por ação ordinária.

No mesmo sentido, as ações da Petrobras [PETR3; PETR4] e do Banco do Brasil [BBAS3], viraram para o positivo no pregão de hoje e sobem 3,99% e 3,51% respectivamente. 

Na ponta negativa, Braskem [BRKM5] lidera as baixas do índice, caindo 3,69%, com operadores do mercado atentos sobre a perspectiva de suas operações e ao movimento de desinvestimento na Petrobras. A companhia pode ser ainda mais afetada pela situação adversa da economia no exterior. 

O dólar apresentou alta moderada na abertura. A alta inicial acompanhou com cautela as perspectivas de altas de juros em 2023 nos Estados Unidos, também após o Banco da Inglaterra elevar taxa básica de juros em 0,5 ponto percentual, a 3,50% ao ano, na mesma intensidade do ritmo adotado pelo Federal Reserve ontem, para a faixa de 4,25% a 4,50% ao ano.

🇧🇷 Ibovespa +1,54% (105.387 pontos)

💵 Dólar +0,60% (R$ 5,31)

Cotações registradas às 11h30

Commodities

O petróleo opera sem direção única, e ficou perto da estabilidade com a alta do dólar e em meio à retomada de um segmento do importante oleoduto Keystone, da TC Energy, após vazamento.

O minério de ferro avançou 2,7%, a US$ 111,55 a tonelada 

🛢 Brent -0,45% (US$ 82.30)

🛢 WTI -0,63% (US$ 76,81)
🇨🇳 Minério de ferro +2,7% (US$ 111,55)

Cotações registradas às 11h30; minério de ferro referente a Cingapura

(Com Agência Estado)

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?