Bolsas da Europa fecham em alta, apesar de dados abaixo do esperado na China e EUA

Envato Image

O mercado acionário europeu fecha em alta na tarde desta segunda-feira (15). Os índices performaram positivamente, mesmo com a divulgação da redução das taxas de empréstimos na China.

O índice britânico FTSE aparece como o um dos destaques, com notoriedade para o setor de saúde. Uma das principais ações do setor fica com a AstraZeneca, subiu 2,3%.

O motivo para a alta foi a divulgação do laboratório em relação ao avanço de medicamento contra o câncer de mama. A medicação foi desenvolvida em pareceria com a empresa farmacêutica japonesa Daiichi Sankyo.

“A volatilidade na Europa está embutida no resto do ano, dada a guerra na Ucrânia, a política de Covid-19 zero da China, a inflação e os aumentos do banco central conseguem domar as coisas a um ponto em que os investidores se sentem confiantes”, disse Danni Hewson, analista financeiro da AJ Bell.

A inflação europeia é projetada para uma média superior a 8% em 2022 e 4% em 2023, de acordo com uma pesquisa da Bloomberg divulgada nesta segunda-feira (15), que também revelou que as expectativas de uma recessão na Zona do Euro subiram para seu nível mais alto desde novembro de 2020.

🇩🇪 DAX – 0,15% (13.816,61)

🇫🇷 CAC40 – 0,25% (6.569,95)

🇬🇧 FTSE – 0,11 % (7.509,15)

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?