E aquele CDB que rende 120% do CDI, vale a pena ou não?

cdb como investir (1)

Quanto maior o risco, maior o retorno. A premissa básica do mercado financeiro não se perde na renda fixa. No caso dos certificados de depósito bancário (CDB), geralmente pode-se verificar uma promessa de rendimento maior dos títulos emitidos por bancos menores em comparação com os dos bancos de primeira linha. 

Em geral, os chamados “bancões” pagam no máximo 100% do CDI, ao mesmo tempo em que oferecem segurança ao investidor. “Instituições como Bradesco, Itaú, Santander e Banco do Brasil têm hoje um nível de solidez, de lucratividade, muito alto”, pontuou Bruno Corano, economista e investidor da Corano Capital. 

Já os bancos menores, de reputação ainda cambaleante, aumentam a taxa de retorno para em torno de 105% a 115% do CDI. Como não oferecem a mesma credibilidade, é natural que ofereçam rendimento maior para captar clientes. 

Entretanto, “mesmo se o retorno for um pouco maior, não vale o risco”, defende o especialista. 

Matheus Nascimento, analista da Levante Corp, adota visão mais moderada sobre os títulos. A premissa para se investir nos CDBs de bancos menores está atrelada à cobertura do Fundo Garantidor de Crédito (FGC). 

Para quem se interessa pelos retornos acima do CDI, ele também recomenda uma pesquisa detalhada sobre a instituição, inclusive averiguando a classificação de risco definida pelas principais agências de rating – Moody’s, Fitch e S&P. 

O especialista, porém, destaca que as taxas de retorno são o único atrativo que torna compensatório um investimento em títulos de bancos menores. “Não havendo um prêmio para que o investidor aloque recursos nestes bancos menores, existe um risco não remunerado, o que torna o investimento não vantajoso.”

Ademais, a depender do prazo de investimento almejado, a promessa de retorno alto não significa melhor investimento. Taxas maiores que 115% do CDI geralmente são meros instrumentos de captação, exemplifica Bruno. “Vemos, às vezes, propagandas em que um banco oferece 120% ou 130% do CDI. Mas ele limita o tempo e o valor”, explica.

Em casos como o mencionado, o investidor pode investir só até R$ 50 mil e o vencimento do título é em apenas um ano. “Ou o banco põe um prazo para expirar e põe um teto [para o rendimento].” Tal se dá para impedir que um cliente com mais capital aporte uma quantia muito alta, acabando com a viabilidade econômica do banco em questão. 

Compartilhe em suas redes!

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Matérias Relacionadas

PUBLICIDADE

Assine o TradeNews Express!

PUBLICIDADE

A Newsletter mais completa do mercado está de cara nova!

Preencha o formulário e cadastre-se para receber todos os dias.

Saiba os meses que as empresas devem pagar proventos em 2024 e monte sua carteira vencedora

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?